Informações Gerais Ciências Sociais

Duração do Curso:

  • 8 semestres
  • Carga horária UFMS: 2.550h
  • Carga horária CNE: 2.400h

Período:

  • Matutino
  • Segunda à sábado

Modalidade de Ensino:

  • Presencial

Número de Vagas:

  • 50 Vagas

Informações sobre disciplinas e respectivas ementas:

Forma de ingresso:

O ingresso ocorre mediante Sistema Unificado de Seleção (SiSU) baseado no desempenho do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM); movimentação interna, transferências de outras IES e portadores de diplomas de curso de graduação em nível superior, na existência de vaga; e transferência compulsória.

Objetivos do Curso:

a) Pesquisa: O curso visa garantir ao futuro profissional amplo instrumental para desenvolver pesquisa de caráter quantitativo e qualitativo;
b) Planejamento: consultoria, formação e assessoria de caráter social, político, econômico e cultural no âmbito do turismo, das populações tradicionais (Indígenas, quilombolas, e outras) e fronteiriças, dos sindicatos, dos movimentos sociais. Além disso, estará preparado para assessorar, prestar consultoria e planejar a intervenção de diferentes formas de organizações sociais presentes na sociedade brasileira; sejam públicas ou privadas afim de garantir políticas públicas e responsabilidade social.

Habilitação:

  • Bacharel em Ciências Sociais.

Áreas de Atuação e Exercício Profissional:

Com formação nas disciplinas de Antropologia, Sociologia e Ciência Política, o(a) acadêmico(a) deverá estar apto(a) a desempenhar atividades nas seguintes áreas:

  • Estudos e Planejamento urbano e rural
  • Estudos e Planejamento Ambiental
  • Turismo Sustentável
  • Programas de Saúde
  • Pesquisa de Opinião Pública
  • Consultoria Política
  • Consultoria técnica, na área cultural e social, para empresas públicas e privadas
  • Pesquisas e planejamento para atendimento e assistência às minorias sociais e outros segmentos da sociedade
  • Pesquisas e planejamento educacional

Quanto às atividades que lhe competem, está capacitado(a) a participar de pesquisas e investigações de campo (compreendendo concepção do trabalho, elaboração e aplicação de questionários e elaboração de relatórios), participar de programas de projetos sociais das mais diversas áreas (tais como saúde, educação, trabalho, ambiente, gênero, manifestações culturais populares entre outras), desde seu planejamento até a execução, visando potencializar a aproximação entre as instituições que elaboram programas de ação social e a comunidade a qual os projetos se aplicam.